Carrasco do Brasil na Copa, craque argentino é acusado de abuso sexual pela ex-mulher

76
0
COMPARTILHAR
ex-jogador Claudio Caniggia foi detido na última quinta-feira, acusado de abuso sexual contra sua ex-mulher, Mariana Nannis. De acordo com a imprensa argentina, o ex-atleta, que jogou as Copas do Mundo de 1990, 1994 e 2002, será processado pelo Tribunal Nacional de Apelações Penais e passará por julgamento.

Caniggia é acusado de tentar manter relações sexuais à força com Mariana em um hotel, em maio de 2018. Ela, porém, teria se recusado. O ex-jogador, então, teria agredido, ameaçado de morte e abusado sexualmente de Nannis, que era sua esposa na época.

Caniggia sempre negou as acusações, mas duas camareiras do hotel teriam testemunhado a favor da vítima. Agora, o ex-jogador terá que enfrentar um julgamento e pode receber até 15 anos de prisão. Para evitar uma possível fuga, ele está proibido de sair da Argentina desde junho.

Fonte: GE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui